61 Comentários

Por que questionamos

1) Não foi esclarecido porque a empresa Imagic, de propriedade do arquiteto Leonardo Fontenele, foi a empresa escolhida para projetar a obra. A pergunta, feita nos perfis das redes sociais criados pela assessoria do projeto para tirar dúvidas da população, até o momento permanece sem resposta. Um projeto dessa natureza deve passar por concursos públicos, permitindo a livre concorrência entre prestadores de serviço. Como foi a contratação da empresa? Quanto custou?

2) Licitação dispensada para a obra de construção do Acquário Ceará, orçado em R$ 250 milhões? No Governo do Estado do Ceará, tem disso, sim. Alegando inexigibilidade por notória especialidade, o governador Cid Gomes contratou a empresa norte-americana ICM Reynolds para a construção do empreendimento. De acordo com a assessoria de comunicação do Acquário, essa empresa seria a única no mundo com capacidade superlativa de entregar, coordenadamente, todo o empreendimento. Justificativa inconsistente, visto que numa busca rápida encontramos pelo menos mais duas empresas que já fizeram aquários com o mesmo material (acrílico) que vem sendo propagandeado no projeto:

Construtora de aquários na Tailândia, Malásia, Alemanha e França
Construtora no Japão

3) Não foi apresentado um plano de negócios que mostre, detalhadamente, como iremos saldar a dívida que teremos com o banco norte-americano Ex Im Bank of United States, com quem o Governo do Estado está negociando empréstimo de aproximadamente US$ 105 milhões.  O restante dos gastos sairia diretamente dos cofres públicos no valor de US$ 45 milhões.

4) Sem o plano de negócios, entendemos que o funcionamento e a rentabilidade do Acquário não estão assegurados. Além da dívida, o empreendimento tem custo mensal estimado em R$ 1,5 milhão.

5) Para ser um atrativo internacional, como o Governo do Estado alega, o Acquário teria que ter uma base de pesquisa, mas também não foi apresentado um projeto científico, como afirma o Movimento Quem Dera Ser Um Peixe, em matéria publicada no Jornal O Povo, no dia 09 de março: Grupo questiona projeto do Acquário

6) O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) aponta que  a licença de instalação do projeto Acquário Ceará, emitida pela Semace, está irregular. A afirmação fundamenta-se no fato de que o EIA/Rima não contem estudos arqueológicos obrigatórios, que devem ser necessariamente analisados e aprovados pelo instituto. O Iphan afirma ainda que não recebeu  comunicado oficial sobre o projeto. Leia mais

 

Anúncios

61 comentários em “Por que questionamos

  1. Entre tantas coisas sou contra por não resolver problemas do turismo. Certamente vai atrair mais turistas que chegarão em Fortaleza e se indignarão com a falta de segurança, mal atendimento, higiene precária, poluição das praias e sairão fazendo propaganda contrária. Praia limpa para fortalezenses e turistas: esse é o ponto de partida para nosso turismo se desenvolver muito.

  2. O que ninguém, entende é que se o dinheiro foi liberado p/ cosntrução de um acquário, ele só poderá ser destinado ao mesmo! Mesmo que muitos digam que faltam escolas, hospitais, segurança oq posso dizer é que esses 105 milhões não poderão ser destinados a isso. Antes de falar que não tem segurança peço que lembrem da greve dos PMs pra lembrarem oq realmente é falta de segurança, e tbm pra lembrarem de como eram antes as viaturas decadentes dando prego em perseguição, hospitais? o HGF da de 10 a 0 no IJF coisa de primeiro munto, o Regional do Cariri tbm, pelo menos aqui pelo pelo interior vejo obras de extrema importancia sendo feitas como centro de convenções, hospitais, unidades de atendimento odontoógicos CEO, temos um CEASA agora sem falar que na cidade de Juazeiro tbm esta sendo feita uma enorme obra p/ desenvolver o Turismo. Mas o povo insiste em querer embargar a obra do acquario mesmo tendo sido enviado ao IPAHN relatorio de que ali nao se trata de um sitio arqueológio mesmo que tivesse teria sido destruído pelas fundações do antigo DENOCS e mesmo o dinheiro emprestado seja unico e exclusivamente pra essa obra! Aaa e em realação as estradas prefiro mil vezes uma CE a uma BR.

    • Certo, não se pode usar esse dinheiro em outras ações que seriam prioridade, no entanto, esse gasto por empréstimo não sai do ar, mas do orçamento público, a ser pago em 10 anos. Além do custo do empréstimo, o empreendimento tem custo de 1,5 milhão por mês! Caso os estudos de viabilidade tenham sido feitos e as receitas do Acquário ultrapassarem bastante esses valores, concordaríamos com você. Porém, o secretário de turismo já diz que conta com parcerias para que ele se viabilize, o que coloca em dúvida a tese da própria receita sustentá-lo. Ou seja, mesmo sendo empréstimo, o pagamento desse empréstimo sairá do orçamento público, o que nos faz retornar à questão das prioridades. É o mesmo que dizer que se fizermos uma compra no cartão de crédito ele não sai do orçamento familiar. Pode ser que não imediatamente, mas e na hora de pagar a fatura?
      Não fazemos críticas a todas as obras do governo, assim, reconhecemos outras importantes frentes do mesmo, como os hospitais públicos no interior, porém ainda falta muito, e talvez possamos avaliar como o Ceará está no posto de 2o pior do Brasil com relação ao SUS http://www.opovo.com.br/app/opovo/fortaleza/2012/03/27/noticiasjornalfortaleza,2809342/ceara-tem-o-segundo-pior-desempenho-do-sus-no-nordeste.shtml
      Com relação ao IPHAN, o relatório enviado não substitui os estudos que devem constar do EIA RIMA. Isso é lei, só queremos que se cumpra, afinal já é bastante frágil a situação das licenças ambientais de interesse do estado, dadas pelo próprio estado. Lembramos também que sítios arqueológicos são achados em lugares antropizados (modificados pelo homem) como no centro expandido de São Paulo:http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2010/01/18/ult5772u7074.jhtm . Lembramos ainda que o levantamento do IPHAN não é só arqueológico, mas histórico e cultural e que a área (estudos de vizinhança) teve o primeiro porto de Fortaleza.
      Além disso, questionamos outras irregularidades como a inexigibilidade de licitação, quando em levantamentos feitos pelo google (veja que simples) achamos pelo menos 5 empresas, que não a ICM Reynolds, que construíram os 5 maiores aquários do mundo.
      Outro questionamento é a localização, que o próprio EIA RIMA aprovado pela SEMACE aponta como não sendo a mais recomendada.
      O Acquário é uma obra cara, precisamos de transparência nesse processo. E ainda não sabemos que entidade fará a gestão do empreendimento.
      Por isso questionamos.

  3. O que ninguém, entende é que se o dinheiro foi liberado p/ cosntrução de um acquário, ele só poderá ser destinado ao mesmo!
    – Um empréstimo avalizado pelo Senado Federal é facílimo de conseguir. A questão é que não se sabe se estes valores estão superestimados ou não porque não foi feito este cálculo. Não existe seque uma consulta com outras empresas.
    – Existem outras empresas americanas que são capazes de fazer aquários. O Oceanário de Lisboa e o Aquário de Gênova foi feita por uma empresa americana. Claro que este banco – que é um banco oficial – financiaria esta outra empresa também.

    Tem peixe debaixo desse angu.

    Como se explicar o Governo correr tanto para esta obra sair mesmo embargada, mesmo contra a lei.

    Tem peixe debaixo desse angu.

  4. […] a pena conhecer o blog. Na seção “por que questionamos” o movimento resume em seis pontos as principais críticas ao projeto. Como disse um leitor nos […]

  5. […] blog page Why We Question It [pt] features reasons to oppose the aquarium, specifically the lack of transparency surrounding […]

  6. Assisti hoje, dia 24/abril, ao maio-dia, o debate na FM Universitária. Parabéns para Andrea Saraiva, que apresentou muito bem seus pontos de vista, ou melhor, do Grupo “Quem dera ser um peixe”!. Tenho também uma pergunta: onde será o estacionamento para os vistantes dessa obra, já que a Praia de Iracema atualmente já não comporta todos os veículos???

    • A sua pergunta é a nossa também. Não sabemos.
      Não foi respondido isso para ninguém, pelo menos que tenhamos conhecimento. Existe um decreto estadual já assinado, que desapropria uma área para estacionamentos, que incluía algumas casas do Poço da Draga e galpões grandes (em frente aos Correios). Ouvimos dizer que desistiram desse plano, por pressão da prefeitura, mas não vimos revogação do decreto. Ouvimos que a escola da Rua dos Tabajaras foi avisada de remoção, mas não temos mais detalhes.
      A área necessária para estacionamento teria que ser bem grande, mesmo o EIA-Rima deles aponta isso, o aumento do fluxo de pessoas. E já ouvimos o arquiteto responsável, recentemente, dizer que é uma responsabilidade do estado conseguir essa área.

    • VIROU POLITICA ?

  7. Afinal… esse pessoal que é contra o aquário frequenta a degradada Praia de Iracema constantemente??? Andam no poço da draga??? Ademais, como um comentarista disse acima, quem estuda direito financeiro e orçamentário sabe o o que é vinculação de receitas! Se a luta é justa, eu apoio, mas ser do contra apenas por ser, acho demais! Todos os pontos colocados neste blog tem respostas que calam a boca de qualquer um que seja contra! Esse aquário se paga em um ano (não se paga com entrada, e sim com ICMS a mais que o turismo trará)! Aquela Praia de Iracema hoje é uma cracolândia… já houve revitalização om bares, o que não deu certo devido a prostituição… o aquário seria uma obra que atrairia famílias para perambularem naquela região, tornando-a movimentada! Não vejo esse governador omisso como muitos desse blog dizem, pelo contrário, o vejo bastante atuante, a reforma do HGF (minha noiva é médica e garante que está super moderno), a duplicação da maestro lisboa, a entrega do metrofor, a tentativa de fazer o VLT (que está sendo embargado por questões políticas), o incentivo à industrialização com a criação de diversos parques industriais… não sei o porquê do apelido de Cid Faraônico! Parece que é bom um governador que não realize nenhuma obra! O Princípio da Eficiência busca tratar o Estado como uma Empresa, fazendo com que o mesmo traga lucro, não vejo erro no que o Cid está fazendo! Mas se vocês querem a Praia de Iracema com ruas desertas, prostituição e craque… tudo bem… respeito a opinião, assim como a minha deve ser respeitada! Gostaria do nome de todos que participam desse movimento, que, ao meu ver, tem cunho político, visto que surgiu justamente quando o governador e a prefeita começaram a bater de frente! Em 2009, quando a maquete estava exposta no iguatemi e na unifor, não existia esse movimento, apesar de já se saber que o aquário seria lá!

    • Frequentamos a praia, alguns moram no bairro, inclusive. Andamos no Poço da Draga também. Nos agrada muito que o movimento por lá é crescente desde a intervenção da prefeitura (que ainda não está pronta).
      Não precisamos ser especialistas para questionar, a sociedade é legítima para fazer isso. O discurso da competência aqui não cola, ele só faz afastar as pessoas do verdadeiro sentido de Política.
      Mas já que você é competente para questionar, nos explique então, no caso de não termos os milhões de turistas esperados para viabilizar o negócio, de onde virá o dinheiro para mantê-lo. E nos explique porque não precisamos de um plano de viabilidade, como disse o secretário do turismo. Agradecemos desde já.

      • Ah, e sobre o cunho político, tem sim, estamos fazendo Política. Um monte de pessoas se junta nas redes sociais e passa a discutir um assunto, colaborar com conhecimento e se manifestar. Já ouviu falar nisso? Pois é, chama-se democracia e hoje em dia existem várias formas de isso se dar.
        Sobre os nomes das pessoas que fazem parte, vai ficar difícil, não temos líderes. Mas ninguém se esconde, dê uma olhada na nossa página no facebook, todos com os nomes, imagem expostos.
        https://www.facebook.com/contraoaquario

  8. Interessante é a oposição, como o Renato Roseno, que foi para a entrevista com o Bismarck, no canal OPovo, sem nem ler o EIA, e ficou com cara de bobo. Pessoal, vamos ter fundamento!

    • O mais interessante é que o EIA nem estava divulgado até esse dia, mas no dia seguinte, depois do Renato Roseno solicitar ao vivo, ele foi divulgado, dia 06/03/2012.

      • Estava sim. Você está mal informado. O estudo já há algum tempo havia sido divulgado. Tanto é que o Renato Roseno ficou sem reação. No vídeo podemos ver a gagueira e a cara que ele fez! No demais, a audiência pública teve sim… foi dia 27/11/11.
        Até que eu quero apoiar o movimento de vocês para outras obras que firam as leis, mas neste caso, concordo com alguns depoimentos acima. Ao colocar no google, encontramos respostas para todas as perguntas de vocês.

      • Onde está esse link de 27/11? O de 06/03 eu te mostro: http://www.setur.ce.gov.br/eia-rima-aquario-ceara/folder_listing&secretaria=SETUR
        Agora, o Ministério Público Federal ainda não tinha recebido o EIA-RIMA, tanto que a falta de levantamento arqueológico fez parar a obra ainda em março.

      • Vc viu o link da audiência pública que postei abaixo? Ocorreu no dia 27/11. Vocês está muito mal informado… tá igual a um rebelde sem causa. Estão em um movimento e não sabem nem quando teve audiência pública. Ai Ai, vai não esse movimento. Tão desatualizados.
        Agora me explique que audiência foi essa que houve que vocês engam que aconteceu.
        27/11 houve e coloquei o link abaixo

      • Sabemos que teve audiências sim. Estamos questionando o formato, a divulgação e a falta de respostas aos questionamentos nessas audiências.

  9. Ocorreram 03 audiências públicas!!! Quantos projetos tem 03 audiências hoje em dia? Enfim, as duas últimas tiveram freqüência de MUITOS ambientalistas… Nenhuma das 03 houve participação de nenhum dos oposicionistas do movimento quem dera ser um peixe. Tiveram alguns engenheiros e arquitetos que discutiram sobre o projeto e o entorno, na maioria, com criticas construtivas! todas foram conclusivamente edificantes ao tocante do projeto e agora um Plebiscito ? Paciência…

  10. Esse pessoal desse movimento é igual prefeitura de interior… dá moh valor a um atraso!!!

  11. Tá aqui os links das audiências e o que foram debatidos. E outra, pelo que sei de ambiental, não tem que ser mandado cópia do EIA/RIMA ao MPF não. A função dele é fiscalizar, mas não tem esse assunto de envio de cópia não! Toma os links também http://www.ceara.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/4711-acquario-ceara-audiencia-publica-acontece-nesta-sexta-feira-25 e http://www.investne.com.br/es/Noticias-Ceara/audiencia-publica-discute-impactos-do-acquario-ceara

    • Conhecemos esses links, eles ainda não dizem respeito aos questionamentos. Quanto ao MPF, foi do procurador o único voto contrário do COEMA. Tanto o MPF, como o MP de Contas e o MPE tinham questionamento e queriam acompanhar o processo, sendo que esse último abriu ação civil pública até hoje não julgada pelo juiz. Assista os videos com as entrevistas com os procuradores.

  12. Rapaz… é o seguinte… o Governador vai fazer sim o acquário e pronto! Quero divertimento… sei que esse grupo fez até o cálculo de quanto vai sair do bolso de cada um para construir o acquário! Mas quer saber? Existe um programa do governo federal, que é uma compra de voto legalizada, denominado de Bolsa Família! Alguém já fez o cálculo para saber quanto cada um gasta sustentando essa vagabundagem???

    • Concordo. E Tomara que construam logo!!! Quero ser o PRIMEIRO a visitar. E aposto uma coisa, os críticos deste site também irão visitar!!!! Não sei qual é o intuito de manter a Praia de Iracema degradada, transformando-a numa nova cracolândia, ponto de prostituição e diminuindo os valores dos imóveis daquela região. Inventaram mil e um motivos para serem contra esse acquário. Interessante que teve um rapaz aí que respondeu todas as perguntas feitas e eles tiraram do post depois!!!

      • Se qualquer generalização dessas fosse verdade, não seria responsabilidade da segurança pública resolver o problema? A questão é que não interessam os problemas sociais do crack ou qualquer outra mazela, para vocês. Esses problemas sociais certamente apenas mudaria de local, o que interessa é usar esses problemas comos argumentos para limpar a área e deixar a especulação imobiliária entrar. Limpeza social, problemas para debaixo do tapete.

      • Tem jeito não, amigo… quando o Estado tenta resolver um problema, sempre tem um grupinho para reclamar. É incrível. Dizem que tal projeto não seria bom e isso e aquilo. E a culpa é sempre do empresário que é rico porque rouba e blá blá blá

      • O problema que está tentando resolver com o Acquário é qual mesmo?

    • A compra de voto, de contratos, de apoiadores, de pareceres etc é muito mais ampla. A corrupção está em toda parte, e não é problema de umas pessoas e outras, é um problema do sistema, que só vamos resolver com participação e mudanças profundas, como essa de um gestor achar que é rei.

      • Amigo, leve a mal não, mas se eu sou morador daquela região, eu tenho o direito de ver o meu imóvel valorizado. Se o meu imóvel vale 100 mil, e depois do acquário vai pra 300 mil… qual o problema?
        Vocês ultra-radicais sempre tem esse papo de lutar contra o SISTEMA!!! Mas se esquecem que fazem parte dele!!! Criticam os grandes empreendimentos, mas todos os utilizam! Possuem celulares dos mais modernos, computadores, e jóias. Gostaria de saber se vocês sabem quantas árvores se derrubam para poder explorar ferro e ouro! É muito, meu chapa… e não vem com essa de santinho ecológico pro meu lado não. Esse governador tá fazendo é muita coisa!!!! Diferentemente de vocês, ultra-radicais, que vivem de reclamar do SISTEMA!!!

      • O problema é que esse benefício que você quer é individual e você não pode estar acima dos interesse públicos. Só isso.

    • deixa o teu plano de saúde em casa e vai buscar atendimento de saúde na rede estadual e se tu tiver filhos , deixa o ensino particular e coloca numa estadual, deixa eles comerem a merenda escolar e se submeter ao ensino de primeiro mundo dessas escolas! Temos direito a ter cultura, mas temos direito a educação e saúde de qualidade e isso não está sendo priorizado.

  13. Vocês fizeram parte do movimento fora luizianne??? O que acham da gestão dela???

    • No contexto da Praia de Iracema, que é o objetivo do movimento, criticamos os aterros, gostamos do calçadão e temos conversado sobre os Instituto Cultural Iracema. Sobre a gestão você teria que perguntar a cada um de nós.

  14. Rapaz… assim, eu acho que vocês deveriam ler mais a revista Veja. Saiu uma reportagem recentemente sobre uma empresa terceirizada que fornece médicos para o PSF de Fortaleza que pertence a irmã da prefeita. Por que vocês não fazem uma manifestação ou manda o MP fiscalizar isso? Garanto que está saindo mais caro que o acquario!

    • Não somos vigilantes do poder público. Porque vocês não aparecem publicamente para questionar a prefeitura? Podemos ensinar o caminho, aliás vamos disseminar muita informação sobre transparência pública.

  15. Cara… o que me decepciona do movimento de vocês é o fato de ser político. Todo mundo sabe que é o pessoal do PSOL que participa desse movimento. Nunca vi tantas críticas infundadas nesse governador. O Cid construiu dois hospitais no interior, as UPAS, está construindo mais dois hospitais, vai entregar a linha sul do metrô, já reformulou a oeste e licitou a leste, começou as obras do VLT, alargou diversas CE´s, reformulou o porto do pecém, trouxe (Através de incentivos fiscais) uma refinaria e uma siderúrgica, o novo e espetacular centro de convenções. Rapaz, tudo bem vocês manifestarem que são contra o acquário, mas falarem que o Cid não faz nada, é palhaçada. Talvez quem faz muito é essa prefeita, ou os vereadores e deputados do PSOL e eu é que estou por fora!
    É uma pena esse movimento de vocês ser partidário, uma pena mesmo!

    • Oi Alexandre,
      O movimento não é partidário, nunca tivemos isso como motivo de participação, nunca perguntamos em quem as pessoas irão votar, nunca fizemos proselitismo eleitoral. Apesar disso, temos pessoas que estão no PSOL e no movimento, pessoas do PT e muitos sem partido nenhum, sinceramente não sei, porque não perguntamos. Não há estratégia escondida eleitoral, esse é um movimento de cidadãos, como tantos outros que surgem no mundo hoje em dia, simplesmente porque temos mais ferramentas para nos informar e nos reunir hoje em dia sem depender de partidos, sindicatos e associações, todos com um papel específico.
      É bom que os gestores públicos acostumem-se com isso, inclusive ontem entrou em vigor a lei de acesso à informação que reafirma nossos propósitos de maior participação na democracia brasileira.
      Não somos os únicos a questionar o governo Cid Gomes, só para pegar fatos recentes: crédito consignado, remoções da Copa, eólicas nas dunas, convivência com o semi-árido, policiais, professores, centro de eventos, o Dragão do Mar e a gestão da Cultura, são alguns temas que causam mobilização da sociedade e questionam investimentos do estado, erros de planejamento, desrespeito com a população e uma certa truculência no trato com as demandas sociais.
      É no mínimo ingênuo achar que o PSOL está organizando todos esses movimentos que nascem em instâncias tão diferentes como os movimentos de moradia, a assembléia legislativa, até as redes sociais, como o facebook, que foi onde nascemos. Se o PSOL se coloca ao lado de questões populares, é uma outra questão, adoraríamos apoio de mais partidos e líderes políticos.
      Isso não apaga projetos benéficos do governo, mas seu direcionamento para o grande capital em detrimento das pessoas e comunidades.
      Estamos interessados na mensagem de cuidado com a cidade, valorização de soluções mais adequadas, priorização de orçamento e participação, os mensageiros não nos interessam.

  16. Caros protestantes contra o progresso. Sinto dizer que vocês perderam a briga contra o acquário ceará, a juíza federal concedeu a autorização para o reinício da obra. Fico pensando quanto não foi gasto com essa paralisação ridícula! Um prejuízo enorme ao erário. Agradeço a vocês pelo prejuízo causado á toda sociedade. É bom viver no atraso e culpar o mundo capitalista pelas mazelas vivenciadas! Teremos esse acquário sim, e agora gastar-se-á mais, devido a aditivos que autorizarão a contratação por turnos ininterruptos. Sou a FAVOR DO ACQUÁRIO.

    • O progresso não tem uma só direção, acreditamos em outra.
      Culpe a falta de competência do governo estadual para responder a demandas legais de licenciamento do empreendimento pelo prejuízo ao erário, que deverá ser de 1,5 milhão mensal depois de construído o Acquário.
      Também pergunte a eles como começaram a obra sem a aprovação final do empréstimo. Arriscam um prejuízo bem maior nesse caso.

  17. Só uma dúvida. Vocês também são contra o Centro de Eventos, o VLT, a ampliação do aeroporto, do metrofor, da siderúrgica, a usina solar em Tauá? Podem responder? Gostaria de ter uma impressão melhor! Dependendo das respostas, descobrirei se o movimento é partidário ou não. Obrigado!

    • Somos contra as remoções das pessoas no modo como vem sendo feitas, conforme denunciado pela observadora da ONU, Raquel Rolnick. No mais, somos “só” contra o Acquário mesmo. Ah, o Centro de Eventos bem que podia ter uma passarela né, mas isso é obra do Bismark, entendemos. rs

  18. Sim, a passarela vai ser feita. Ele realmente foi infeliz nas declarações, mas logo após se redimiu. Você nunca falou uma bobagem na vida não?

    • A questão não é falar bobagem e se redimir. É (não) planejar uma obra pública por anos, como o seu impacto no trânsito, o fluxo de pessoas e funcionários, a demanda para o tamanho do equipamento etc. Isso não aconteceu na hora que ele falou, bastam ver como o governo tem sido cobrado pelo Ministério Público Estadual sobre essa obra. E a gente pergunta: por que é a Secretaria de Turismo que toma conta de obras tão grandes? Assim fica mais fácil do Bismarck dizer as bobagens que pensa e faz.

  19. E eu vou pra inauguração do acquário!!!! Quando inaugurarem, vocês também pretendem ir????

  20. Será que não vão mesmo? Será que não vão combinar com a paquera para se encontrarem no acquário? olhe olhe! Nunca diga Nunca!!!

  21. sou totalmente afavor.. por que vocês estão com implicancia com o acquario? por que se vocês nao sabem tem obras custando 300milhoes, e o acquário vai trazer mais oportunidade na educacão, turismo, desenvolvimento social, e economia entre outros. sou a favor, e nem adianta tudo isso. o acquario já retornou as obras, e breve veremos essa conquista oferecida ao povo cearense.

    • Já explicamos os motivos diversas vezes. Entendemos que oportunidade na educação, desenvolvimento social se faz com investimentos diretos nessas áreas. No turismo o investimento poderia ser da iniciativa privada, como é o Beach Park, o estado não tem que gerir um parque temático.

    • Lara Melo, já foi explicado acima porque eles são contra. Eles se inspiram em prefeituras do interior, ou seja, adoram um atraso!!!!

  22. Cid Gomes vai fazer um jardim botÂnico também!!!!

  23. Não entendo. Jardim Japonês pode, mas acquário não, né? Por que vocês não foram contra o Jardim Japonês?

    • porque são 250 milhões sem licitação, em um lugar inapropriado, que pode significar remoção, mesmo que “branca” de uma comunidade centenária e está tudo sendo feito sem cumprir os requisitos legais do licenciamento ambiental.

  24. E o porto do Pecém? Um absurdo um porto! Destruiu toda a fauna marinha daquela região! Deveria não existir porto!

  25. Pessoal, se tiver um referendo e a maioria da população decidir pelo acquário, vocês se calam?

  26. E o emprestido foi aprovado!!! Aleluia!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s